REFLEXÕES SOBRE O ATO DE BRINCAR LIVRE OU DIRIGIDO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Autores

  • Rosely Zanata Florentino UNADES- PY
  • Luciane Fátima Pescador

Resumo

O brincar é um importante instrumento de aprendizado e desenvolvimento cognitivo, emocional e social das crianças, constituindo um mecanismo com potencial de excelência no contexto do aprendizado escolar. Assim, o objetivo deste artigo foi refletir sobre a importância do brincar e a ludicidade no ambiente escolar para o desenvolvimento integral (emocional, cognitivo e social) da criança. Para alcançar o objetivo traçado foi desenvolvido um estudo com base em uma pesquisa bibliográfica, com método de relato de experiência e análise qualitativa, que permitiram conhecer o vivenciar das brincadeiras das crianças, a partir de uma observação in loco de um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) de Rondonópolis-Mato Grosso. Analisa-se que o objetivo de toda a forma de brincadeira é desenvolver a autonomia das crianças, de modo que possam escolher suas brincadeiras e desenvolvê-las com alegria e aprendizado, além de permitir que as brincadeiras dirigidas possam também despertar alegria e experiências agradáveis para as crianças. Assim, conclui-se que tanto a estratégia da brincadeira livre quanto a dirigida, devem estar presentes no ambiente das escolas e, ainda, ambas trabalhadas e incentivadas pelos professores, para que ele possa desenvolver habilidades e competências nas crianças, seja no contexto individual ou coletivo.

 

Downloads

Publicado

20-01-2023

Como Citar

ZANATA FLORENTINO, R.; FÁTIMA PESCADOR, L. REFLEXÕES SOBRE O ATO DE BRINCAR LIVRE OU DIRIGIDO NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Revista Interação Interdisciplinar (ISSN: 2526-9550), [S. l.], v. 1, n. 2, p. 192–202, 2023. Disponível em: https://publicacoes.unifimes.edu.br/index.php/interacao/article/view/2340. Acesso em: 5 fev. 2023.