ATITUDES ENTRE AS CRIANÇAS, COM E SEM NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS, NA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA

Autores

  • Anelise Cossio Investigadora no Centro de Investigação em Estudos da Criança (CIEC) e Investigadora no Núcleo de Estudos e Pesquisas em Cognição e Aprendizagem (NEPCA); Doutora em Estudos da Criança, com especialidade em Educação Especial.
  • Ana Paula da Silva Pereira Investigadora no Centro de Investigação em Estudos da Criança (CIEC); Professora Auxiliar no Instituto de Educação da Universidade do Minho https://orcid.org/0000-0003-4611-7602

Resumo

Este artigo teve como objetivo fornecer uma perspetiva geral sobre as atitudes das crianças com desenvolvimento típico, até os cinco anos de idade, em relação aos seus pares com necessidades educativas especiais. A metodologia utilizada foi a Revisão Sistemática da Literatura, realizada nas bases de dados eletrónicas: Education Resources Information Center, Academic Search Complete e RepositoriUM. Foram definidas as questões de investigação: a) Quais as atitudes das crianças com desenvolvimento típico, até os cinco anos de idade, em relação aos pares com necessidades educativas especiais, inseridos no grupo de educação  pré-escolar? b) Que instrumentos e métodos foram utilizados pelos investigadores para medir as atitudes das crianças com desenvolvimento típico, até os cinco anos de idade, em relação aos pares com necessidades educativas especiais? Dos cinquenta artigos selecionados através do resumo, apenas sete cumpriram os critérios de inclusão definidos na revisão efetuada. Os instrumentos utilizados pelos investigadores foram: escalas, questionários, entrevistas e observações em contexto. De modo geral, os estudos concluem que as crianças com desenvolvimento típico apresentam atitudes positivas perante os seus pares com necessidades educativas especiais e que essas atitudes são influenciadas pelos tipos de necessidades educativas especiais, contextos e relacionamentos interpessoais. No entanto, referem ainda que as crianças com desenvolvimento típico demonstram preferência por pares sem necessidades educativas especiais aquando das suas brincadeiras ou atividades. Como conclusão salientamos que, embora as investigações sobre as atitudes acerca da inclusão de crianças com necessidades educativas especiais tenham aumentado nos últimos anos, essas investigações são pouco frequentes em países lusófonos.

Biografia do Autor

Ana Paula da Silva Pereira, Investigadora no Centro de Investigação em Estudos da Criança (CIEC); Professora Auxiliar no Instituto de Educação da Universidade do Minho

Ana Paula Silva Pereira. Assistant Professor at the Department of Educational Psychology and Special Education, Coordinator of the Master's Degree in Special Education, specialization area in Early Intervention, PhD in Child Studies, specialty area in Special Education, Researcher member at the Research Center for Child Studies (CIEC), and Member of the Supervision of the North Regional Subcommittee, of the National System of Early Childhood Intervention. She coordinates the Luso Brasileiro Project: Early Intervention in Autism Spectrum Disorder, is a member of the national project team: Robotics and Autism Spectrum Disorder, and was a member of international projects: Vocational Training for Physiotherapists about Family Centered and Play Based Approaches in Early Childhood Intervention , and KIDS STRENGTHS Project - Kids in the Context of Mental Disorders: Skill Training to Empower Teachers, Health Professionals and Social Workers. The main scientific interests focus on the areas of early childhood intervention, autism spectrum disorder, authentic assessment and special educational needs. She supervises Masters and PhD students and is the author or co-author of approximately 100 publications, of which 46 are indexed in the international databases Web of Science, Scopus and Qualis.

Downloads

Publicado

20-01-2023

Como Citar

COSSIO, A.; DA SILVA PEREIRA, A. P. ATITUDES ENTRE AS CRIANÇAS, COM E SEM NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS, NA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA. Revista Interação Interdisciplinar (ISSN: 2526-9550), [S. l.], v. 1, n. 2, p. 77–92, 2023. Disponível em: https://publicacoes.unifimes.edu.br/index.php/interacao/article/view/2327. Acesso em: 5 fev. 2023.