A DISCIPLINA POSITIVA, AUTOEFICÁCIA GERAL COM GRUPOS DE PAIS NA EQUOTERAPIA

Autores

Resumo

Resumo: A disciplina positiva é pouco pesquisada no Brasil, uma das hipóteses é por ser um método atual, e advindo dos Estados Unidos. O método é educativo e proporciona uma abordagem não rígida para lidar com crianças. O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos da abordagem da disciplina positiva e dinâmicas de grupo com cavalos (Equoterapia) para o desenvolvimento da autoeficácia geral de um grupo de pais e cuidadores. Participaram deste estudo, 30 sujeitos, ambos o sexo 93,3% do sexo feminino (N=28), idade entre 29 e 65 anos (M= 40,6, DP=8,2). Os resultados indicaram aumento de média, porém não foi significativa estatisticamente. Sugere-se que em estudos posteriores aumente-se o número de sessões e utilize-se de uma amostra controle.

Biografia do Autor

Mitiyo Érika K. Mendes, Universidade São Carlos

Bacharel em Terapia Ocupacional, Universidade Federal de São Carlos: SP

Rita Cássia Munhoz Martins

Bacharel em Assistência Social, Universidade Cidade de São Paulo.

Claudia Costa Mota, Universidade Fernando Pessoa

Mestrado em Educação Especial, Universidade Fernando Pessoa, Portugal.

Downloads

Publicado

20-03-2023

Como Citar

SARTI, Aline Giovana; MENDES, Mitiyo Érika K.; MARTINS, Rita Cássia Munhoz; MOTA, Claudia Costa. A DISCIPLINA POSITIVA, AUTOEFICÁCIA GERAL COM GRUPOS DE PAIS NA EQUOTERAPIA. Revista Interação Interdisciplinar (ISSN: 2526-9550), [S. l.], v. 5, n. 1, p. 11–27, 2023. Disponível em: https://publicacoes.unifimes.edu.br:443/index.php/interacao/article/view/1853. Acesso em: 18 abr. 2024.