ANÁLISE DO TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA PELA PERSPECTIVA DA PELÍCULA “O RECEPCIONISTA”

Autores

  • Ana Luiza Delgado Eserian Centro Universitário de Mineiros - UNIFIMES
  • Glenia Arantes Maia Centro Universitário de Mineiros - UNIFIMES
  • William Borges de Menezes Filho Centro Universitário de Mineiros - UNIFIMES
  • Nathália Silva Vaz Centro Universitário de Mineiros - UNIFIMES
  • Lorena Karine Soares Centro Universitário de Mineiros - UNIFIMES
  • Aristóteles Mesquita de Lima Netto Centro Universitário de Mineiros - UNIFIMES

Resumo

O artigo em questão analisa Transtorno do Espectro Autista (TEA) a partir da análise da película “O Recepcionista”. Para tal, foi utilizado a fundamentação teórica amparada no Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-V), como contribuições dos autores Dipietro (2019), Senju (2012), Oliveira (2009), dentre outras. Na contextualização teórica explicitamos o equívoco da película na utilização da terminologia Asperger, episódio que justifica a construção do diálogo proposto. A  metodologia competiu revisão de literatura a partir da análise da película. E concluímos, que a utilização de recursos audiovisuais detém ampla pertinência para suporte a sujeitos com quadro diagnóstico de TEA.


Palavras-chave: Transtorno do Espectro Autista (TEA). Diagnóstico. Recursos Audiovisuais.

Downloads

Publicado

2021-08-26

Edição

Seção

Biociências - Artigo