Alterações Quantitativas das Plaquetas em Pequenos Animais: Revisão de Literatura

Autores

  • Lourena Marian Ribeiro Centro Universitário de Mineiros
  • Iana Vilela Resende
  • Samara Martins Calegari
  • Ísis Assis Braga
  • Karla Irigaray Nogueira Borges

Palavras-chave:

Trombocitopatias, Trombocitoses, Trombocitopenias, Trombócitos, Hemograma

Resumo

As plaquetas ou trombócitos são células sanguíneas que desempenham papel fundamental na hemostasia através da formação do trombo plaquetário. Em um hemograma, as alterações quantitativas das plaquetas podem ser classificadas em trombocitose (aumento do número de plaquetas acima valor de referência para a espécie) e trombocitopenia (dimuição do número de plaquetas abaixo do valor de referência para a espécie).  A trombocitose pode ser classificada em primária (doenças mieloproliferativas) e secundária (ocasionada por uma resposta fisiológica ou trombopoiese reativa) . A trombocitopenia é provocada por distúrbios na produção, na distribuição ou destruição das plaquetas. O objetivo deste trabalho é realizar  uma revisão bibliográfica das principais causas da alterações quantitativas das plaquetas com intuito de reunir informações atualizadas sobre o tema que é de extrema importância na rotina clínica veterinária.

Downloads

Publicado

2022-01-31