ÁLCOOL: UM PROBLEMA MUITO ALÉM DA RESSACA

Autores

  • Gustavo Angelo Ferreita Clementino UNIFIMES- Trindade
  • Ana Laura Rangel Gonzaga UNIFIMES-Trindade
  • Fernanda Ferreira Mendonça
  • Fernanda Ramos Barbosa de Oliveira
  • Fernando Gabriel Santos Lima
  • Luísa Costa Monteiro Hadler

Palavras-chave:

Álcool psicoativos Alcoolismo

Resumo

As substâncias psicoativas fazem parte da vida de muitas pessoas incluindo adolescentes que as utilizam de forma precoce. Dentre essas substâncias pode-se citar o álcool. A ingestão de bebidas alcoólicas está relacionada com mais de 230 doenças e agravos, acidentes que poderiam ser evitados, além de três milhões de morte por ano. O álcool é uma substância capaz de propiciar uma certa sensação de relaxamento para quem o ingere, porém também é um depressor psicotrópico do sistema nervoso central (SNC). Além disso, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), não é possível estabelecer uma margem segura para o consumo de álcool e os danos estão diretamente relacionados à quantidade consumida dessa substância. Dessa forma, esse trabalho tem como objetivo destacar as consequências que o álcool pode gerar, por meio de uma revisão narrativa, tendo como base artigos da plataforma Google Acadêmico. Foi feita uma busca com as palavras-chave álcool e consequências. Foram analisados artigos entre os anos 2020 e 2021, obtendo-se no total de 10 artigos, dos quais três foram selecionados para revisão. Dentre os artigos escolhidos os resultados apontaram que o álcool causa diversas consequências, dentre elas ele é capaz de influenciar negativamente o sistema imune fazendo uma imunossupressão, o que aumenta os riscos de doença principalmente no contexto pandêmico atual. Além disso, muitas vezes as bebidas alcoólicas são usadas para proporcionar um prazer momentâneo, como se fosse um alívio depois de um dia de estresse. No entanto, isso pode levar a um consumo excessivo, causando dependência e influenciar em perdas econômicas e sociais importantes. O consumo disfuncional de álcool está também relacionado a acidentes de carro, tentativas de suicídio, sintomas de depressão, ansiedade e até mesmo coma alcoólico. Conclui-se que o abuso de bebida alcoólica pode comprometer a saúde física e psicológica, sendo um problema muito maior do que a ressaca do dia seguinte.

Downloads

Publicado

2022-01-31