INCIDÊNCIA DO CÂNCER DE PELE NO BRASIL

Autores

  • João Matheus Rodrigues Coelho dos santos UNIFIMES/TRINDADE

Palavras-chave:

Câncer de pele; Variação; Incidência; Prevenção; Tratamento

Resumo

Atesta-se que o câncer de pele é o tipo de câncer com maior número de casos no Brasil, sendo uma afecção mais comum em pessoas de pele clara e com idade acima de 40 anos. Ademais, o contato excessivo com os raios ultravioletas presentes no sol favorece o surgimento da doença, sendo que em pessoas com lesões prévias a patologia é mais comum. O câncer de pele é dividido em dois tipos: O melanoma, mais agressivo e com maiores chances de metástase, e o não melanoma, mais frequente e com maiores chances de sucesso no tratamento. O presente resumo tem como objetivo destacar a importância de se conhecer a incidência do câncer de pele no Brasil, bem como as suas variações, prevenção e tratamento da doença. Assim, utiliza-se como método de coleta de informações pesquisas bibliográficas, pesquisas científicas, artigos e base de dados de pesquisas como o Instituto Nacional de Câncer (INCA). O câncer de pele acaba sendo muito frequente no Brasil por ser um país localizado em região de clima tropical. Os raios solares ao alcançarem as regiões mais superficiais da pele durante longos intervalos de tempo em exposição, podem desencadear o surgimento da neoplasia. Segundo o Instituto Nacional de Câncer, 30% de todos os tumores do Brasil são de câncer de pele não melanoma, sendo que em 2016 foram detectados 175.760 novos casos de câncer de pele dessa variação (INCA,2016). Vale ressaltar que em 2010, foram gastos no Brasil, aproximadamente 37 milhões no tratamento da doença, sendo então, entre os tipos de câncer, o que recebe a maior parte da verba destinada ao tratamento de câncer pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Portanto, as pesquisas mostram que o câncer de pele pode ser tratado, havendo alta taxa de recuperação quando descoberto no estágio inicial. Atualmente já se sabe que os protetores solares apresentam alta eficácia na prevenção da doença, agindo como uma barreira para os raios solares. Vale ressaltar também que cuidados básicos como: usar camisa de manga longa, calça, chapéu e óculos quando exposto ao sol dificultam queimaduras na pele que possam evoluir para o câncer de pele.  

Downloads

Publicado

2022-01-31